Nossa primeira viagem destino surpresa. Meu amor me avisou que havia comprado uma viagem, mas não informaria o destino. Só informou para fazer mala de calor. Chegando ao Aeroporto de Guarulhos o funcionário da Avianca perguntou o destino final e então descobri: Punta Cana, na República Dominicana.

 

Ahhhh….. realmente precisávamos de férias e que férias, pois não era apenas Punta Cana era o Hard Rock Hotel de Punta Cana.

Punta Cana é sinônimo de descanso, relax, dolce far niente. Por isso escolha bem seu Hotel, pois é nele que você passará seus dias. Você não precisa sair do hotel para nada, pois bares, casas noturnas, restaurantes, tudo está localizado dentro do complexo. Você só sairá se quiser fazer passeios.

 

A Cia Aérea:

Fomos de Avianca saindo de São Paulo, com escala em Bogotá na Colômbia. A Cia Aérea me impressionou, achei muito melhor e mais confortável que outras Cias que já viajei. O único inconveniente é que achei check in e check out um pouco desorganizado.

O Aeroporto:

Desembarcamos em um aeroporto bem rústico, todo aberto, sem ar condicionado, feito com folhas de Palmeiras. Muito diferente. Curioso, logo no desembarque, estrangeiros tem que pagar cerca de 10 dólares para entrar no país. E pagasse para sair também.

Importante: muita atenção quando for pegar sua mala na esteira, pois existem muitos nativos que querem te “ajudar”, pegando carrinho, mas na verdade querem cobrar pelo serviço e te colocar num taxi ou van. A maneira de abordagem é bem agressiva, fuja deles, e não adianta falar italiano, francês para despistá-los, pois eles são poliglotas, entendem tudo.

Ao chegar procure guichês especializados em transfer. E não se assuste com o caminho até seu hotel. A cidade é muito pobre e precária, mas os resorts são luxuosos e as praias belíssimas.

O Hotel:

Ficamos hospedados no Hard Rock Hotel & Cassino, um dos maiores  e com Cassino comparado aos de Vegas. O hotel é excelente, com ótimo atendimento em um clima jovial e decoração com relíquias de músicos famosos.

O engraçado é que conhecemos diversos casais em lua de mel e quando perguntavam para nós o motivo da viagem surpreendia a todos. Éramos um casal incomum, viajando e descobrindo um lugar novo e diferente, sem ter um motivo. E precisa?

O Complexo Hard Rock me encantou e foi indicação de uma amiga do meu namorado que trabalhou e conheceu a maioria dos hotéis de Punta Cana.

Farei um post específico com as peculiaridades do hotel. Acompanhem no blog CURIOVIAGENS.

 

 

Passeios:

Há diversos tipos, o mais famoso é o dos golfinhos. Fizemos o da plataforma flutuante (Dolphin Explorer)  em alto mar e entramos no tanque com os golfinhos. Existe outros passeios de golfinhos que são em parques aquáticos, mas eu acho que em alto mar é mais interessante e diferente.

Outros passeios: de navio para conhecer ilhas; de balão; à cavalo; de bike; trilha com jipe. Tudo vai depender do seu gosto e de que tipo de viagem escolheu fazer.

Uma dica é conhecer a ilha de Saona e Cap Cana.

Todavia, se fizer passeios todos os dias, não vai desfrutar do resort e descansar.

Como o objetivo da nossa viagem era descanso, das 8 noites que ficamos no Hard Rock, fizemos passeios em apenas 2 dias. Assim conseguimos explorar o máximo nosso hotel, os restaurantes, as piscinas e relaxar.

 

Pode-se conhecer outros resorts pagando o day-use, o que inclui alimentação, amenities e tudo que o hotel oferece. Uma boa opção para conhecer praias diferentes. Todavia não esqueça do seu passaporte, sem ele não conseguirá entrar em outros hotéis.

Uma praia que conhecemos é a Bavarós. Muito linda e calma. Um verdadeiro paraíso.


A Cidade:

A cidade, como já disse, é bem simples e não tem nada para fazer. É diferente de Cancun, em que você pode passear pela cidade, conhecer restaurantes, lojinhas e o agito noturno.

Conhecemos uma espécie de vila voltada para o turismo. Era toda fechada com portões imensos. Do lado de dentro, restaurantes, parques e lojas. Do lado de fora a simplicidade da cidade e seu povo.

Peculiaridades Dominicanas:

Mamajuana é a bebida típica do país. É um afrodisíaco de cor avermelhada. Uma mistura de rum, vinho tinto, mel, ervas, cascas e raízes de árvores. Inicialmente preparada com fins medicinais, se popularizou pelo sabor adocicado tornando-se a bebida nacional.

Para apreciadores de cerveja, a dominicana Presidente é uma ótima opção. A alegria que contagia, o paraíso que encanta, a simpatia e cordialidade dos habitantes, a infra-estrutura dos resorts, isso é Punta Cana.

Um lugar para relaxar, descobrir, se divertir.

 

 

 

 

Fonte: https://viagem.catracalivre.com.br/brasil/viagem-acessivel/indicacao/punta-cana-o-paraiso-e-aqui/